1. nov, 2020

A carta

Resolvi postar a carta que o meu fisio Rodrigo Galva enviou ao meu médico para que ele elaborasse a receita da minha nova palmilha,não ficou muito grande para que possa ler lida pela foto,então escrevi o texto aqui. 

Por essa carta é possível ter a certeza absoluta que eu fiz a escolha certa em trocar de profissional ,a minha evolução foi uma mudança imensurável na minha vida.

Os exercícios que posso realizar todos os dias confirmam  o que segue abaixo.

Segue o texto abaixo:

Primeira avaliação: 16/7/19

Reavaliação : 21/9/20

Histórico: Durante avaliação fisioterapêutica realizada no ano de 2019 ,a aluna apresentava sintomas álgicos e crepitações em ambos os joelhos,decorrentes da condropatia bilateral ,restringindo suas atividades diárias como por exemplo subir e descer escadas e agachar-se.

Testes específicos demonstraram diminuição do tônus muscular,déficit de controle motor e desvio postural com retificação lombar ,assimetria e anteriorização do quadril.

Conduta Terapêutica: No início , o  tratamento foi baseado em protocolos baseados em analgesias e retorno das funções músculo esqueléticas .Com o passar do tempo ,as sessões e a notável evolução da paciente,exercícios mais complexos foram propostos principalmente o aumento da flexibilidade dos músculos como os peitorais,isquiotibiais e os gastrocnêmios,fortalecimento dos abdominais ,quadríceps,e os músculos posturais também foram o foco dos atendimentos.

Conclusão: Passado um ano e três meses do início dos atendimentos ,a Patricia apresenta quadro funcional satisfatório,não referindo nenhum sintoma de dor nos joelhos ,além de melhorar consideravelmente seu desempenho físico.

Rodrigo Galva fisioterapeuta.