11. mai, 2016

Tudo Novo!

Hoje foi o dia que meu fisio mudou toda a minha programação de atividades.

Pela primeira vez fiz no elíptico trinta e cinco minutos e na carga dez,quando comecei lá mal fazia dez minutos pois o meu joelho doía muito.

Além disso comecei a sentir que o peso que eu fazia ficou muito leve,então ele aumentou o peso e o número de séries que era quatro e agora será cinco  das cadeiras extensora e flexora.

Além disso fiz exercícios de membros superiores,com extensão e flexão de braço,estilo "remo" e na cadeira do "voador" e depois fiz exercício de elevação de braço e ombro.

Depois só alongamentos.

Cada vez que mudamos as cargas ,séries e repetições eu vejo o quanto evoluí,quanto lutei pra chegar até aqui,quanto eu venci,eu lutei com todas as minhas forças todos os dias,incansável na busca da minha recuperação a todos os dias.

E é isso que eu gostaria que as pessoas que têm essa lesão tivessem: mais fé,mais força e acreditassem mais que existe possibilidade de recuperação.

Se eu lutei e venci ,meus amigos que possuem essa lesão, também podem vencer.

Sei que não é nada fácil,que essa lesão deixa sequelas,mas temos que ser mais fortes que elas.

Estarmos  mais focados na busca pela recuperação no otimismo e em uma força interior que nos leva a buscar uma melhora a cada dia,não interessa o tamanho dela,pode ter certeza que ela irá crescer cada vez mais!

Eu peço sempre e pedirei: não desista de lutar,você vai chegar lá!

A recuperação é possível sim! ficar "acomodado(a)"  na frase que "essa lesão não tem cura","derruba" o lado psicológico e impede a luta para a vitória!

Lute pra acabar com ela,não deixe essa lesão acabar  com vc!